Review: Beginners – Assim É o Amor

sem nome“‘Beginners’ demonstra-nos a transformação da vida de Oliver e do seu pai Hal, a partir do momento que Hal assume a sua homossexualidade, após a morte da mulher, e descobre que tem uma doença terminal em estado avançado. Ao longo do filme desenrolam-se uma série de acontecimentos, no passado e no presente, que nos vão fazendo entender o que aconteceu com estas personagens e explicam as suas ações e forma de estar na vida.
Após a morte inevitável de Hal, Oliver conhece Anna, que o faz finalmente entender o significado do amor e todos os ensinamentos que o pai lhe tentou passar nos últimos meses de vida.
Uma verdadeira montanha russa de sentimentos e de histórias, tão depressa aparece uma cena feliz que nos faz rir, como uma passagem dramática que nos deprime. De si o filme é bastante parado, e estas passagens “bruscas” fazem com que consigamos seguir a história com um pouco de mais atenção e interesse.
No entanto confesso que esperava mais, apesar dos actores serem muito bons e credíveis nos seus papéis, mais para o final a história torna-se monótona e, a meu ver, depressiva. Mas com certeza que quem aprecia este tipo de filmes de desenrolar mais lento vai apreciar, pois a história em si é bonita.” – Mónica Rodrigues