Review: Need For Speed

need_for_speed_movie_poster_1

Crítica por: Helena Rodrigues

“Esta opinião é feita com base no filme Need For Speed, sem o comparar de forma alguma com o videojogo. Dito isto, vamos avançar!

Bem sei que Aaron Paul é um sucesso numa série icónica e galardoada (Breaking Bad), fora isso, vi pouco do actor no mundo cinematográfico, mas algo me diz que isso não vai tardar (dica: Hellion).
E esta é uma forma de dizer que o actor esteve muito bem no papel de Tobey Marshall. Um fã de carros e de corridas, que perde um amigo num trágico acidente de carro e é, acusado de crime, injustamente. Até este momento, temos de ser pacientes, enquanto nos são apresentados os seus amigos e inimigos que serão essenciais para a aventura que o espera.

Não sou entendida em carros, mas posso garantir que isso não afectou em nada a minha apreciação do filme. As verdadeiras “bombas” que surgem ao longo do filme, a ligação das personagens com um sentido de humor de gabar e personalidades bastante fortes que fazem com que não esqueçamos ninguém, os cenários onde os veículos correm vertiginosos e uma banda sonora de inspirar (cortesia de Nathan Furst), é uma combinação perfeita para aquele que podia muito bem ser um filme de categoria B.

Um enredo sólido, embora já batido dentro do género, acção, aventura e adrenalina sempre a alta velocidade, que não nos cansa e acaba por nos entusiasmar. De salientar também o papel de narração levado a cabo por Michael Keaton, um entusiasta de corridas e criador da mítica De Leon, sempre atrás de um microfone a puxar por nós, a puxar pelas personagens.

Não quero dizer que Aaron Paul carrega o filme às costas, pois todo o elenco de apoio está excelente nos papéis que interpretam, mas sem dúvida ele consegue trazer à realidade, alguém com profundidade, alguém que podia ser meramente um boneco num videojogo. Engane-se quem espera algo “à lá Velocidade Furiosa”. Nada disso. São duas histórias completamente diferentes e a envolvência do filme também é muito diferente. Um diferente bom, na minha modesta opinião.

Posto isto, só me resta recomendá-lo aos fãs de carros e corridas, e não só!”

VER TRAILER