Review: Homem-Formiga

Ant-Man-Comic-Con-Poster

Crítica por: André Gomes

“Ninguém consegue levar a sério um super-herói chamado Ant-Man e o melhor que este filme faz é camuflar com algum humor e excelentes efeitos especiais a criação longínqua que é um herói do tamanho de uma formiga, num mundo em que todos os super-heróis são gigantescos (ou gigantescamente poderosos).
A premissa do filme não é em quase nada diferente do que acontece a outros super-heróis ou mesmo noutros filmes com bases dramáticas, mas a sua abordagem cómica consegue trazer alguma variação e principalmente credibilidade, ainda que ligeira.
Felizmente para quem vê os filmes da Marvel em busca de boas sequências de acção digna de um super-herói, sempre que Paul Rudd veste o fato de Ant-Man o filme ganha novo interesse e torna-se divertido. As sequências de acção em tamanho de formiga tornam-se numa experiência imersiva que apenas os melhores videojogos conseguem atingir. E ainda que a aproximação do cinema ao mundo virtual dos gamers não seja desejada por muitos, ficamos completamente agarrados àquele formiga humana. Sentimo-nos verdadeiramente diminutos em relação à dimensão da realidade e vibramos, torcemos e mexemo-nos na cadeira por aquele personagem como é suposto em qualquer esforço cinematográfico.
Sem grandes spoilers, a queda na banheira, o atravessar da fechadura da porta e a batalha no meio de brinquedos infantis são dos momentos de acção mais memoráveis. Outro ponto a favor do filme são os possíveis resquícios do longo desenvolvimento de Edgar Wright nos primórdios da fase de desenvolvimento deste filme, que se fazem notar em inúmeras cenas. Há timings na comédia, piadas engendradas e gags coreografados que encaixam perfeitamente no estilo de Wright e se esses momentos não surgiram dele, Peyton Reed (o actual realizador) fez um óptimo trabalho de replicação.


À parte disso o humor natural de Paul Rudd ajuda à diversão do filme, mas honestamente é a personagem de Michael Peña (Luis no filme) que rouba toda a atenção e se torna numa pérola imperdível.
Estava interessado em ver o filme, exactamente pelo nome do herói ser de certa forma um pouco “ridicularizado”, estava na espectativa, valerá a pena…ou nao propriamente? O dilema instalou-se, o que é certo é que até gostei do que vi,sendo um pouco semelhante com os Guardiões da Galáxia, no sentido de também recorrer muitas vezes à comédia, fugindo um pouco ao que é comum aos super herois da Marvel.

Ant-Man em relação aos outros filmes de super herois como o Iron Man, Thor, The Amazing Spider Man, Guardiões da Galáxia, está menos bem conseguido, mas para quem gosta da Marvel vale a pena ver.”

VER TRAILER