Review: “Mestres da Ilusão 2”

 

Crítica por: André Gomes

“Em 2013 foi lançado o primeiro Mestres da Ilusão com uma história que era um misto de suspense, roubos elaborados e ilusionismo que estreou com um elenco de primeira. Confesso que quando fui ver, não sabia para o que ia e fiquei fã do filme, daí o entusiasmo para ir ver o segundo filme.

Mais do que um filme, este é um verdadeiro truque de ilusionismo que procura convencer o espectador de que todo este espetáculo é no mínimo saudável para a massa cinzenta de cada um.

now-you-see-me-2
O grupo de mágicos Four Horsemen volta a aparecer publicamente depois dos eventos do primeiro filme e o que salta primeiro à vista é que uma das personagens foi alterada, sendo que o elemento feminino do grupo agora é Lula (Lizzy Caplan) em vez de Henley (Isla Fisher). A química entre os Four Horsemen continua muito coesa, parece que trabalham juntos há anos. O carisma de Ruffalo, auxiliado pelo de Jesse Eisenberg, Dave Franco e Woody Harrelson foram impecáveis. Trabalham de forma excelente em equipa, unidos e coesos, cativantes mesmo mais que suficiente para que o público possa ficar entusiasmado pela história.
Jesse Eisenberg consegue mostrar uma atuação mais madura do que há três anos, Dave Franco e Woody Harrelson mostraram mais dos seus personagens neste filme, e como tal, também sobressaíram mais em relação ao primeiro. Gostei bastante das actuações dos dois, principalmente nos truques de magia com as cartas.
Mark Ruffalo é sem dúvida o destaque fazendo mais um excelente papel, sempre a surpreender. Morgan Freeman é um senhor do cinema, a dar ainda mais encanto ao seu personagem. Entretanto, o acréscimo de Daniel Radcliffe torna-se frágil uma vez que o personagem se mostra mal construído e o caricato disto é que serve apenas de “escada” para Michael Caine.

thumb_NowYouSeeMe2_ExclTrailer
As cenas de acção que envolvem magia continuam a ser satisfatórias e, na sua maioria, bem conseguidas e interessantes. Este continua a ser o ponto alto desta saga.
Humor, acção, intriga, mistério, surpresas e muitas distracções criadas pelo mundo do ilusionismo.

O espectador descobre que anda sempre a ser manipulado e enganado, mas diverte-se imenso com isso. Eu adorei o primeiro filme e o segundo filme, na minha opinião, não é tão bom como o primeiro. Contudo recomendo, é um bom filme para passar um momento divertido.”

VER TRAILER